A cerimónia foi presidida pelo Exmo. Diretor do Instituto dos Pupilos do Exército, Coronel de Infantaria João Augusto Miranda Soares, e obedeceu à seguinte sequência: Entrega de Diploma de Louvor ao TCor Inf PQD Tavares Magro Descerramento de placa ENTREGA DE DIPLOMA DE LOUVOR Na Instituição Militar, existem valores e qualidades que praticados em alto grau pelos seus membros, fazem com que estes sejam de pleno direito, reconhecidos em cerimónias públicas.

Por despacho de 17 de dezembro de 2018 de sua excelência o General Chefe do Estado Maior do Exército foi louvado o TCor de Infantaria José Manuel Tavares Magro. DESCERRAMENTO DE PLACA “Os Pupilos do Exército casa onde a necessidade para aprimorar, desenvolver e cultivar a excelência nasce com a entrada de cada novo aluno, nunca viveu nem viverá para cultivar suficientes e muito menos fundear nas suas paredes uma homenagem a quem não tenha vivido e conduzido a sua existência pelos ditames da excelência e do exemplo, precisamente para que todos os que um dia se recordem desta homenagem entendam que nesta casa o suficiente não é nem nunca será suficiente.” Manuel José Magro (1936 – 2016), Coronel de Administração Militar, Lisboeta mas de forte influência beirã, entrou para o Instituto no ano de 1946, com 10 anos de idade. De forte personalidade, metódico, bastante organizado e adepto de práticas desportivas, desde cedo se destacou nos estudos. Foi aluno regular de Quadro de Honra e representou o Instituto em diversas modalidades desportivas, não sendo de estranhar a sua nomeação como 38º Comandante de Batalhão.

Ingressou de seguida na Escola do Exército, onde manteve intactas as suas capacidades de Comando e Liderança, tendo-se destacado com elevado mérito. O “Magro”, como era conhecido pelos amigos, era de amizades fáceis e duradouras, e de uma elevada solidez de carácter. “Amigos, são aqueles que partilham a vida contigo, dizia”. Manteve ao longo da sua vida uma relação próxima com a escola que o formou, não sendo por isso de estranhar a também passagem pelo Instituto, dos seus 3 filhos e de outros tantos familiares. Justo e sempre disponível para ajudar o próximo, dizia-lhes: “Ajudem e apoiem os mais novos e não deixem que lhes apliquem injustiças”.

Os Magros, são hoje uma das famílias mais representativas do nosso Instituto, com 7 elementos da família que por cá passaram. Os valores de vida e de camaradagem que defendia, são hoje mais importantes do que nunca: a educação, a perseverança, a camaradagem, a lealdade e o respeito pelo próximo, são sinónimos de um homem justo, sendo essa uma das melhores formas de homenagearmos a sua memória. Digníssimos familiares aqui presentes, por todo o contributo e ímpar caminho enquanto Profissional, Cidadão, Pilão e acima de tudo, como Homem, permitam-nos esta singela mas sentida homenagem e inspirar todos aqueles que nesta casa aspiram a ser alguém maior pela dedicação e trabalho. Pelo seu inestimável exemplo e extraordinária vida, constituindo-se como modelo de “cidadão útil à Pátria”, ficará o seu nome perpetuado na designação deste local como referencia para as gerações futuras, passando a designar-se “Edifício Coronel de Administração Militar, Manuel José Magro, AA Nº67 de 1946, Comandante de Batalhão 1953/54”